MAIRIPORÃ É UMA DAS CIDADES DA REGIÃO INCLUÍDAS NO MAPA TURÍSTICO

Mapa do turismo brasileiro reúne municípios que adotam iniciativas como estratégia de desenvolvimento.

Até o momento, o mapa turístico brasileiro atualizado conta com 2.746 municípios, de 337 regiões turísticas do país e, Mairiporã faz parte dessa listagem com a classificação de nível ‘B’, inserida na região de ‘Serras e Águas’, junto de outros vizinhos como Bragança Paulista, Tuiuti e Piracaia, além de Lindoia, Monte Alegre do Sul e Serra Negra, que já pertencem a região turística de ‘Águas e Flores Paulistas’.

Assim como todos os demais municípios, Mairiporã adotou o turismo como estratégia de desenvolvimento, identificando necessidades de investimentos e ações para a promoção turística, já que a cidade tem potencial turístico identificado pelos diversos setores ligados ao setor em parceria com a prefeitura local.

Além disso, o mapa agrega cidades que tem potencial real para o turismo ou que são impactados diretamente pelo setor, norteando a definição de políticas públicas, incluindo a destinação de recursos oriundos do Ministério do Turismo para a realização de obras de infraestrutura e ofertas de cursos de qualificação profissional, por exemplo.

CADASTRO E CLASSIFICAÇÃO

Os registros dos municípios incluídos no mapa turístico brasileiro 2022 foram homologados pelos gestores estaduais de turismo e, posteriormente validados pelo ministério. A novidade desse ano é que os gestores de turismo municipais não vão ter que esperar a cada dois anos para cadastrar ou atualizar dados do município no mapa, podendo ser feita a qualquer momento.

Já os municípios cadastrados e incluídos no mapa são classificados de A a E, levando em conta o desempenho da economia no turismo, levando em conta a quantidade de estabelecimentos de hospedagens e de empregos, estimativa de visitantes domésticos e internacionais, arrecadação de impostos federais nos meios de hospedagem.

Também é necessário que a cidade siga todos os critérios da portaria 41/2021, como possuir um órgão responsável pelo setor turístico e orçamento definido para investimentos, comprovar a existência de um Conselho Municipal de Turismo ativo, ter assinado um termo de compromisso com o Programa de Regionalização do Turismo (PRT) e alguns outros.

Acesso Rápido

Skip to content