SABESP INICIA OBRA PARA CONTER DEGRADAÇÃO NA REPRESA

Durante esta semana, a SABESP iniciou a instalação de placas e cercas para impedir o acesso de pessoas não autorizadas na Represa Paiva Castro.
O que muitos não sabem é que toda a margem da represa é de propriedade da empresa de saneamento e o acesso ao local, seja para pesca ou lazer, é proibido.
Ultimamente, a propriedade privada que dá acesso à represa vem sendo invadida por pessoas em busca de lazer, o que gera grande transtorno para os moradores, a fauna e flora do nosso município, uma vez que a quantidade de lixo deixado pelos turistas é grande.

As obras de bloqueio do acesso à represa foi uma solicitação do Gabinete de Gestão Integrada Municipal de Mairiporã (GGIM-M) e solicitado à Sabesp diretamente pela prefeitura.

Acesso Rápido

Skip to content